Na graduação da Universidade Federal de São Paulo, o ensino e a pesquisa estão interligados.  Por meio da Iniciação Científica os alunos são incentivados para desenvolver atividades científicas com bolsas do PIBIC (Programa de Incentivo a Iniciação Científica) do CNPq ou monitoria. Os docentes e professores do CETE orientam anualmente alunos de graduação em projetos de PIBIC que posteriormente são apresentados em congressos e enviados para publicação.

Os docentes do CETE também ministram aulas e seminários aos alunos da graduação do 3º e 6º ano da Universidade Federal de São Paulo.

Outra atividade do Centro de Traumatologia do Esporte relacionada a graduação é a Liga Acadêmica do CETE (LACETE). Fundada em 2004, a LACETE conta anualmente com 10 alunos da graduação em medicina que participam na assistência aos pacientes em ambulatório específico com preceptor e na pesquisa com desenvolvimento de projetos relacionados as lesões esportivas.