Residência Médica a Medicina Esportiva

Residência Médica a Medicina Esportiva

No ano de 2007 foi aprovada pelo MEC a criação no Departamento de Ortopedia e Traumatologia, da Residência em Medicina do Esporte da Escola Paulista de Medicina, com envolvimento multidisciplinar e duração de 03 anos.  Pelo fato de já estarmos inter-relacionados com as diversas disciplinas ligadas ao esporte, não tivemos muitas dificuldades para a criação do inédito programa de residência médica em nosso país na área de Medicina do Esporte.
Para darmos uma maior legitimidade para a nova residência multidisciplinar, procuramos as chefias de todas as disciplinas afins, para que nos indicassem os nomes dos seus representantes, com os quais montamos o programa. Assim, os residentes passaram a ter sua formação ligada ao esporte nas áreas de: liga acadêmica de medicina esportiva, liga acadêmica de traumatologia do esporte, ortopedia e traumatologia do esporte, fisiologia do exercício, clínica médica, cardiologia, pneumologia, psicobiologia, ginecologia, otorrinolaringologia, oftalmologia, pronto-socorro, imagenologia, endocrinologia, pediatria, neurologia, psiquiatria, reabilitação esportiva, imunologia e nutrição. Os recursos humanos foram obtidos pela indicação da chefia das disciplinas e departamentos.

Com o passar dos anos fizemos alguns ajustes no programa, mas tivemos o envolvimento e o apoio de todos os setores da UNIFESP.

A Medicina Esportiva conta atualmente com ambulatórios de medicina esportiva: concussão, cardiologia do esporte, teste ergométrico, pediatria do esporte, traumatologia esportiva, esporte adapatado, odontologia no esporte, infiltração, corrida, endocrinologia no esporte, geriatria do esporte, performance, promoção de saúde através do exercício, endocrinologia do esporte, ginecologia no esporte, ambulatório de para-atletas, avaliação do atleta pré-participação, ortopedia e traumatologia no esporte, lesões por sobrecarga, ondas de choque no esporte, acupuntura no esporte, pé diabético, joelho no esporte, ombro no esporte, quadril no esporte, coluna no esporte, entre outros. Possui ainda parcerias importantes na área esportiva com o Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, com o Constâncio Vaz Guimarães e com o Instituto Dante Pazzanese.

O atendimento de forma gratuita aos atletas carentes é realizado por meio de um conjunto de ações de saúde, no âmbito individual e coletivo, com a prevenção de agravos, o diagnóstico, o tratamento, a reabilitação, a manutenção da saúde e da qualidade de vida do atleta e da comunidade.

Com o engajamento de todos os profissionais envolvidos nos tornamos um Centro Médico de Excelência FIFA UNIFESP/EPM, em 1 de julho de 2013, e participamos da Copa do Mundo da FIFA – Brasil 2014.

E-mail da Medicina Esportiva – medicinaesportiva.dot@unifesp.br
Telefone: (11) 5576-4848 ramal 2650